Notícias

SPA destaca boa relação com Município

Fonte: A Tribuna
 
Assim como o secretário de Assuntos Portuários de Santos, Júlio Eduardo dos Santos, também o diretor-presidente da SPA, Fernando Biral, destaca a boa relação entre as duas entidades, Prefeitura e SPA, na construção do desenvolvimento sustentável do Porto de Santos.
 
Em texto assinado pelo presidente e enviado para A Tribuna, a SPA contesta trechos do artigo publicado em A Tribuna na semana passada pelo articulista Maxwell Rodrigues, especialmente quanto ao título, “Final do 1° tempo: Prefeitura 10 x 0 SPA”.
 
Diz o texto: “Ao listar os legítimos questionamentos da Prefeitura sobre o processo de desestatização do Porto de Santos, encaminhados à Antaq, o texto dá a entender que não houve transparência e diálogo por parte da Administração Pública Federal”. Biral destaca, ainda, que essas dúvidas serão formalmente esclarecidas pela agência reguladora, etapa essa obrigatória do processo.
 
“A consulta pública terminou em março e o estágio atual é justamente o de consolidação das contribuições para respondê-las, tarefa que cabe à comissão de licitação, da qual a SPA não é parte”, escreve Biral.
 
Todas as manifestações, explica, estão dentro do prazo para resposta, e o edital da licitação só será publicado após todas as contribuições serem analisadas e respondidas.
 
MESMO TIME
 
Outro trecho da nota assinalada pelo diretor-presidente da Autoridade Portuária diz que “Prefeitura e SPA não são adversárias. Antes, jogam no mesmo time: trabalham em uma agenda comum para que o desenvolvimento sustentável do Porto de Santos seja também o desenvolvimento da Baixada Santista. Desse relacionamento, marcado por reuniões periódicas de trabalho, importantes sugestões da Prefeitura Santista estão sendo incorporadas ao projeto de desestatização, notadamente na questão dos acessos”.
 
Ainda fazendo referência ao título do artigo publicado na última quarta-feira, Fernando Biral reafirma que não há antagonismo entre a Administração Municipal e a Autoridade Portuária, “cuja relação é cooperativa e crescente em prol do desenvolvimento do Porto de Santos”.
 



Imprimir Indicar Comentar

Comentários (0)



Compartilhe



Voltar